Jornadas Brasil-Alemanha: 50 anos do Golpe de 1964 – 5 a 7 de maio – PUC-SP

Padrão
cartaz info cortadas-page-001

Cartaz com a programação das Jornadas Brasil-Alemanha

Por ocasião dos 50 anos do Golpe militar de 1964, a PUC-SP realiza um ciclo de debates em que se discutirão aspectos importantes das políticas alemã e brasileira como o acordo Nuclear Brasil-Alemanha assinado em 1975, as políticas para grandes eventos e as relações da Alemanha com a ditadura brasileira.

Data e Local: 5 a 7 de maio, PUC-SP, Campus Monte Alegre, Rua Monte Alegre, 984, Perdizes. São Paulo, SP. Entrada franca.

Programação:

 

5 de Maio (2ª feira): Sessão de Abertura

16h: Registro de participantes – Sala 239, Prédio Novo.

19h- 19h30min:  Abertura – Recepção dos convidados e apresentação do simpósio. Sala 239, Prédio Novo.

Palestrantes convidados:

– Profa. Dra. Mariza Romero, Diretora da Faculdade de Ciências Sociais (FCS).
 
– Prof. Dr. Reginaldo Nasser, Departamento de Relações Internacionais, Faculdade de Ciências Sociais.

 

19h30min – 22h: Conferência de Abertura: O que nos une agora: Brasil e Alemanha 50 Anos depois do Golpe Militar. Sala 239, Prédio Novo.

Palestrantes convidados:
– Dr. Luiz Ramalho, sociólogo, diretor de projetos da Cooperação Alemã: Relações Econômicas e Políticas entre Brasil e Alemanha: continuidades e contradições.
 
– Dr. Thomas Fatheuer, Consultor, ex-diretor da Heinrich Böll Stiftung no Brasil: A solidariedade de organizações da sociedade civil alemãs com os movimentos sociais brasileiros.
 
– Profa. Dra. Marijane Vieira Lisboa, (Departamento de Sociologia, FCS, Programa de Pós Graduação em Geografia da PUC-SP, Comissão da Verdade PUC-SP, Reitora Nadir Gouvêa Kfouri): Justiça de Transição e Cultura da Memória: experiências alemãs e brasileiras.

Moderadora : Profa. Dra. Jeanne Marie Gagnebin (Departamento de Filosofia, Faculdade de Filosofia, Comunicação, Letras e Artes, PUC-SP).

 

6 de Maio (3ªfeira):

19h30min – 22h: Conferência: A Política dos Megaeventos: A Copa e a Olimpíadas Sala 239, Prédio Novo.

Palestrantes convidados:

– Prof. Dr. Carlos Vainer (IPPUR/UFRJ).
 
– Wolfgang Kreissl-Dörfler, deputado do Parlamento Europeu pelo Partido Social-democrata alemão (SPD).
 
– Juca Kfouri, jornalista.

Moderadora: Marilene de Paula (Fundação Heinrich Böll).

Lançamento do livro: “Copa, para quem e para quê? Um olhar sobre os legados dos mundiais no Brasil, África do Sul e Alemanha” (Fundação Heinrich Böll)

 

7 de Maio (4ª feira):

 

14h – 16h: Mesa Redonda: Amigos e adversários do regime militar brasileiro na Alemanha. Sala 100, Prédio Novo.

Coordenação da Mesa: Prof. Dr. Vitor Hugo Klagsbrunn, Departamento de Economia, UFF.

Palestrantes convidados:
– Vitor Sion, Bacharel em Comunicação Social pela PUC-SP e mestrando em Relações Internacionais do Programa Santiago Dantas (Unesp, Unicamp, PUC-SP). Empresas alemãs em apoio à Ditadura.
 
– Rodolfo Machado, Bacharel em Direito pela PUC-SP e mestrando em História da PUC-SP: Ministro da Justiça de Médici na República Federal Alemã: A defesa da Ditadura.
 
– Clemens Schrage, (ex assistente de Botânica da USP, expulso do Brasil em 1969 e anistiado em 1986, exilado na RFA). A atuação dos refugiados/exilados e entidades alemãs na denúncia dos crimes da ditadura e no acolhimento de novos refugiados.
 
– Maurício Santoro, cientista político, Assessor da Anistia Internacional: A atuação da Anistia Internacional Alemã aos refugiados brasileiros.

Comentadora: Profa. Dra. Heloísa Cruz, Departamento de História, FCS, Comissão da Verdade da PUC-SP, Reitora Nadir Gouvêa Kfouri.

 

19h30min – 22h : Conferência: Energia Nuclear no Brasil e na Alemanha: o Acordo Nuclear de 1976 em questão. Sala 239, Prédio Novo.

Palestrantes convidados:

– Jürgen Trittin, Deputado do Partido Verde na República Federal Alemã, atual membro do Comitê de Assuntos Externos do Parlamento e Ministro do Meio Ambiente, Preservação da Natureza e Segurança Nuclear de 1998-2005.
 
– Prof. Dr. Leonam dos Santos Guimarães, Da Fundação Armando Álvares Penteado, assessor da Eletrobras, Capitão da Reserva da Marinha Brasileira.
 
– Chico Whitaker, membro da Comissão de Justiça e Paz e da Coalizão Anti-Nuclear e co-fundador do Fórum Mundial Social.

Moderador: Prof. Dr. Reginaldo Nasser, chefe do Departamento de Relações Internacionais, da FCS, PUC-SP.

 

 

Comissão organizadora:

Profa. Dra. Marijane Vieira Lisboa – Departamento de Sociologia, FCS, Programa de Estudos Pós Graduados de Geografia.

Prof. Dr. Reginaldo Nasser – Chefe do Departamento de Relações Internacionais, FCS.

Profa. Dra. Cláudia Marconi – Vice Chefe do Departamento de Relações Internacionais, FCS.

Vitor Sion – Mestrando em Relações Internacionais pelo Programa Santiago Dantas (Unesp, Unicamp, PUC-SP).

Rodolfo Machado – Mestrando em História pela PUC-SP.

Natália Pascher – Ex aluna de Relações Internacionais pela PUC-SP.

 

Suporte técnico: Assessoria de Relações Internacionais PUC-SP (ARII), Assessoria de Comunicação Institucional (ACI) , Divisão de Tecnologia de Informação DTI, Núcleo de Eventos e Cerimonial.

Promoção: Faculdade de Ciências Sociais, Curso de Relações Internacionais, Departamento de Relações Internacionais, Programa de Estudos Pós Graduados em Geografia, PUC-SP e Programa de Pós-Graduação em Relações Internacionais San Tiago Dantas (Unesp, PUC-SP e Unicamp).

Apoio: Fundação Friedrich Ebert, Fundação Heinrich Böll, Opera Mundi, Centro Alemão de Ciência e Inovação São Paulo, Temporada Alemanha+Brasil 2013-2014, Programa de Educação Tutorial de Relações Internacionais da PUC-SP, Comissão da Verdade da PUC-SP, Reitora Nadir Gouvêa Kfouri.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s